Colaboradores

Tecnologia do Blogger.

Siga-nos por Email

Seguidores

Arquivo do blog

Pesquisar neste blog

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Poluição pode deixar ursos polares impotentes

Poluentes químicos estão enfraquecendo o osso dos pênis de ursos polares, o que pode resultar em impotência na hora do acasalamento do animal. A descoberta foi feita por um grupo de pesquisadores da Universidade de Aarthus, na Dinamarca, em um estudo publicado na revista Environmental Research.


Durante a pesquisa, os cientistas examinaram 279 báculos – o osso do pênis -, de oito subpopulações de ursos polares nascidos entre 1990 e 2000. Os pesquisadores descobriram que o poluente químico Ascarel, substância usada na produção de tintas e produtos de borracha, tem reduzido a densidade do báculo.

Embora a função do osso não seja totalmente conhecida, os pesquisadores acreditam que a fragilidade dele cause impotência na hora do acasalamento entre os ursos. O reflexo da redução óssea do pênis é a diminuição da chance de reprodução da espécie.

Há dez anos, os mesmos pesquisadores revelaram que outro composto orgânico tóxico (organo-halogenados) já afetava a saúde dos ursos polares. Em exames, constatou-se que as fêmeas que apresentavam um alto nível do produto tinham ovários menores. Nos machos, o composto causou a redução do osso do pênis e dos testículos.

A equipe pretende começar uma nova pesquisa para se certificar que a fragilidade do báculo está diretamente ligada à diminuição da reprodução dos ursos polares e sugerir o que pode ser feito para evitar o problema. 

Fonte: INFO Online

0 comentários:

Postar um comentário

Eco & Ação

Postagens populares

Parceiros