Colaboradores

Tecnologia do Blogger.

Siga-nos por Email

Seguidores

Arquivo do blog

Pesquisar neste blog

segunda-feira, 6 de novembro de 2017

Província angolana de Luanda vai ter quatro novos cemitérios

A província de Luanda vai contar com quatro novos cemitérios para fazer face ao crescente número de habitantes, de quase sete milhões de pessoas, a instalar nos municípios de Cacuaco, Icolo e Bengo, Belas e Viana.


A informação foi avançada pelo diretor de cemitérios e morgues de Luanda, Filipe Mahapi, mas sem avançar datas para a execução dessas infraestruturas.

"Este projeto deve-se ao crescimento demográfico da província, principalmente nas zonas periféricas", disse o responsável, citado pela agência noticiosa angolana, Angop.

Segundo Filipe Mahapi, os novos cemitérios deverão ser erguidos nas localidades de Catete (Icolo e Bengo), Ramiros (Belas), Zango (Viana) e em Cacuaco.

O melhor do Diário de Notícias no seu email

Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a qualidade Diário de Notícias.

SUBSCREVER
Relativamente aos cemitérios existentes, alguns dos quais da era colonial portuguesa, nomeadamente Alto das Cruzes e Santana, apresentam já falta de espaço, situação que também se começa a verificar com aquelas infraestruturas pós-independência (depois de 1975), Camama e Catorze.

O responsável sublinhou que a entrada em funcionamento do mais recente sepulcrário na capital angolana - o cemitério do Benfica - atualmente o maior do país, "tornou a realização de funerais mais confortável".

O novo cemitério tem uma dimensão de 1.000 metros de comprimento, a mesma extensão em largura, podendo realizar até 200 funerais diários.

De acordo com o censo populacional e habitacional de 2014, habitam na capital angolana perto de sete milhões de habitantes.

Fonte: Jornal DN

0 comentários:

Postar um comentário

Eco & Ação

Postagens populares

Parceiros