Colaboradores

Tecnologia do Blogger.

Siga-nos por Email

Seguidores

Arquivo do blog

Pesquisar neste blog

segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Medidores de energia são reciclados e vendidos como matéria-prima

Cerca de 80 mil medidores de energia, com mais de 15 anos, são trocados por novos modelos, em Porto Velho, e depois são vendidos para uma empresa de reciclagem.


A última entrega da remessa aconteceu na manhã desta quarta-feira (26). Além de Porto Velho, Ji-Paraná e Cacoal, também realizaram a coleta que abrange todo o Estado. A iniciativa partiu da Eletrobrás Distribuição Rondônia, com o projeto de logística e manufaturamento reversa, que destrói os antigos medidores e revende como matéria prima.

Segundo a gestora ambiental da Eletrobrás, Socorro Teixeira, os medidores são coletados pela empresa e repassados por uma recicladora selecionada através de licitação. “A empresa que ganhou fica responsável pela coleta dos medidores em Rondônia, depois ela separa o material como borracha, vidro e metal, tritura e revende como matéria-prima para indústrias”, explica a gestora.

A empresa responsável pela reciclagem repassa um valor estipulado pela Eletrobrás. Socorro explica que a verba será aplicada em projetos sociais. “Os programas ainda estão sendo escolhidos pela concessionária, mais creio que irá beneficiar a população. Em todo o país essa logística é utilizada, mas é a primeira vez que usamos em Rondônia”, explica.

Para fazer o transporte dos medidores antigos são utilizadas sacolas biodegradáveis chamadas de bag bags. Elas são levadas por caminhões da empresa recicladora.

Os medidores coletados são os eletromecânicos, são antigos e possuem resíduos sólidos, por isso estão sendo substituídos por medidores eletrônicos, que facilita a leitura da fatura de energia e o trabalho da empresa.

Um novo projeto de logística reversa está sendo criado, que abordará cabos, roldanas, transformadores entre outros produtos recicláveis, empresas de recicladoras estão passando pelo processo de licitação. 

Fonte: G1

0 comentários:

Postar um comentário

Eco & Ação

Postagens populares

Parceiros