Colaboradores

Tecnologia do Blogger.

Siga-nos por Email

Seguidores

Arquivo do blog

Pesquisar neste blog

terça-feira, 12 de março de 2013

Projeto Bem Crescer










Ana Echevenguá




“As estrelas são todas iluminadas... Será que elas brilham para que cada um possa encontrar a sua?” do livro O Pequeno Príncipe.



Cheguei em casa com cheiro de bebês nas roupas, nos braços... quem já pegou bebê no colo sabe do que falo. É um cheirinho tão bom!

Estava no CECAL – Centro Espírita Caminho da Luz*. Participando do Projeto Bem Crescer, destinado especificamente a crianças - na faixa etária de 0 a 3 anos -, acompanhadas de suas mães. A maior parte destas é adolescente; e mora nas imediações do Rio Papaquara (Canasvieiras, Florianópolis, Brasil). Numa região de alagamentos constantes, onde o tráfico de drogas e a reciclagem de lixo são opções de fonte de renda.

Ajudar mães e bebês é uma via de duas mãos. Os voluntários que atuam no projeto são os maiores beneficiados. É um aprendizado constante. Um compartilhar de experiências. Ajuda mútua na qual todos se tornam  responsáveis por quem cativam.

O Projeto está em fase inicial. Sem verbas, como todo projeto brasileiro bem intencionado e conduzido por pessoas eticamente corretas. Daí, no cotidiano, a gente vai percebendo que faltam tesourinhas de cortar unhas, creme pra assaduras, carrinhos de bebês...

Mas, isso não é problema. O importante é que há várias pessoas engajadas, atuando de forma voluntária. E que as mães já inscritas - agentes fundamentais no desenvolvimento da criança - sentem-se realmente acolhidas e estão abertas ao aprendizado nas oficinas de capacitação e nos fóruns de orientação.

A nossa Constituição Federal - artigo 227 - assegura à criança e ao adolescente, com absoluta prioridade, o direito à vida e à saúde, entre tantos outros. E garante que o Estado, a sociedade e a família tem o dever “de colocá-los a salvo de toda forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão”.

Se o Estado não faz, vamos tentar contribuir para que esta regra saia do papel, na medida do nosso possível.

A imagem acima pode ser traduzida, segundo os fundamentos do Projeto, como “um abraço amoroso entre uma mulher e um bebê – representando o sublime intercâmbio de sentimentos entre a mãe e seu filho, que deve ser estimulado”.

O nome do projeto reporta-nos ao “bem crescer” do bebê, da mãe e de todos os voluntários envolvidos nas ações que viabilizam a realização do mesmo.

Participe, portanto, deste Bem Crescer. Informe-se a respeito. É uma oportunidade gratuita e agradabilíssima de crescimento e de evolução pessoal.

* - Rua Fernandes Francisco Coutinho, 144, Canasvieiras, Florianópolis, SC, Brasil.

Ana Echevenguá, advogada, OAB/SC 17.413, participante voluntária do Projeto Bem Crescer.


3 comentários:

  1. Do fundo do meu coração, desejo todas as bençãos de DEUS, e muito sucesso para este projeto, para o CECAL, e para todos vcs que eu amo muito!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, querida. Repassarei ao grupo os teus votos. Beijo.

      Excluir
  2. Do fundo do meu coração, desejo muito sucesso para todos e tudo, com muitas benção de DEUS!!!! PAZ e LUZ!!!!

    ResponderExcluir

Eco & Ação

Postagens populares

Parceiros