Tecnologia do Blogger.

Siga-nos por Email

Seguidores

Arquivo do blog

Pesquisar neste blog

XV BENCH DAY, os Melhores Times e Cases de Sustentabilidade do País

Em 29 de Junho, estiveram reunidos especialistas, gestores, pesquisadores, ativistas, autoridades e estudantes que atuam com e pela sustentabilidade nas suas organizações, instituições de ensino e comunidades. Aproximadamente 400 pessoas participaram do XV BENCH DAY – o dia dos legítimos da sustentabilidade. O dia de ver a sustentabilidade na prática. De ver a sustentabilidade que deu certo.

Administração do cemitério afirma que concessão ao setor privado é necessária

A ideia da concessão do cemitério São João Batista à iniciativa privada gerou polêmica entre a opinião popular nos últimos dias. Frente à palavra “privatização”, valinhenses temem aumento das taxas para compra de jazigos, manutenção dos túmulos e mudanças no método de sepultamento (verticalização).

Pós-Rio+20 – Uma análise crítica da economia verde e da natureza jurídica dos créditos ambientais, artigo de Amyra El Khalili

“… uma coisa pode ser valor de uso, sem ser valor. É esse o caso, quando a sua utilidade para o homem não é mediada por trabalho. Assim, o ar, o solo virgem, os gramados naturais, as matas não cul­tivadas etc. Uma coisa pode ser útil e produto do trabalho humano, sem ser mercadoria. Quem com seu produto satisfaz sua própria necessidade cria valor de uso, mas não mercadoria. Para produzir mercadoria, ele não precisa produzir apenas valor de uso, mas valor de uso para outros, valor de uso social. “ (MARX. O capital, 1988. p. 49)

Eco & Ação

Postagens populares

Parceiros