Colaboradores

Tecnologia do Blogger.

Siga-nos por Email

Seguidores

Arquivo do blog

Pesquisar neste blog

domingo, 4 de novembro de 2012

Polícia apreende mais de 1 tonelada de carvão em reserva ambiental

A Polícia Ambiental apreendeu 1,6 tonelada de carvão feito a partir de madeira nativa da Mata Atlântica, em Juquiá, no Vale do Ribeira. Cinco pessoas foram detidas e vão responder pelo crime em liberdade.

Os policiais chegaram ao local durante uma operação para combater a caça de animais silvestres. Em uma mata do bairro Paiol, as equipes descobriram madeiras e uma grande área desmatada. Boa parte dela já havia virado carvão.

Os fornos para a transformação da madeira nativa em carvão são feitos com barro, de forma improvisada, e estavam escondidos no meio da mata. Um deles foi encontrado ainda em atividade pelos policiais.

O tenente Robson Alessandro Barbosa, da Polícia Militar, explica como funciona o processo clandestino. “Ele é fabricado, retirado com trator e levado para um armazenamento clandestino. E, posteriormente, é transportado para grandes cidades em caminhões furgão como uma forma de dificultar a fiscalização ambiental.”

As cinco pessoas que trabalhavam no local foram levadas para a delegacia, onde assinaram um documento e vão responder em liberdade. Além do carvão, distribuídos em 170 sacos prontos para venda e carregados para transporte, além de uma arma sem registro foram apreendidos pela polícia.

O tenente da PM ainda explica que o ato configura crime de atividade potencialmente poluidora. “O fato de cozinhar o carvão sem autorização, e o transporte de carvão sem a devida licença também é crime ambiental”, afirma. 

Fonte: G1

0 comentários:

Postar um comentário

Eco & Ação

Postagens populares

Parceiros