Tecnologia do Blogger.

Siga-nos por Email

Seguidores

Arquivo do blog

Pesquisar neste blog

quarta-feira, 29 de junho de 2016

Temer libera pulverização de agrotóxicos em cidades para controlar mosquito da dengue

A medida foi criticada pela Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco), que considera a ação perigosa.


O presidente interino, Michel Temer, sancionou uma lei que autoriza a pulverização aérea em regiões urbanas para o controle do mosquito Aedes aegypti. A legislação foi aprovada na última segunda-feira (27) e foi questionada por organizações da saúde.

A Lei No 13.301/2016 dá permissão para a “incorporação de mecanismos de controle vetorial por meio de dispersão por aeronaves mediante aprovação das autoridades sanitárias e da comprovação científica da eficácia da medida”. O governo já havia autorizado previamente o uso de “fumacês” em pulverizações terrestres e deve usar os mesmos inseticidas nas ações aéreas.

No entanto, a medida foi criticada pela Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco), que considera a ação perigosa e com potencial para causar doenças graves em seres humanos, além da extinção de espécies e diversos outros prejuízos econômicos que esses danos acarretariam.

Segundo a toxicologista Karen Friedrich, da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), em declaração durante audiência pública no início deste mês, a pulverização aérea espalharia produtos apontados como potenciais cancerígenos, como o organofosforado.  Ela ainda disse que o próprio fumacê não é eficaz e tem causado problemas à saúde dos funcionários, se forem usados aviões agrícolas, que voam a poucos metros do solo, o prejuízo pode ser ainda maior.

Fonte: Ciclo Vivo

Eco & Ação

Ecologia

Loading...

Postagens populares

Parceiros