Colaboradores

Tecnologia do Blogger.

Siga-nos por Email

Seguidores

Arquivo do blog

Pesquisar neste blog

quinta-feira, 24 de abril de 2014

Elevados níveis de CO2 afetam ciclos de crescimento das plantas

A concentração de elevados níveis de dióxido de carbono (CO2) poderia estender o período de crescimento de plantas, um fenômeno anteriormente atribuído à mudança climática, segundo um estudo [Elevated CO2 further lengthens growing season under warming conditions] divulgado nesta quarta-feira. Matéria da EFE, no Yahoo Notícias, com informações complementares do EcoDebate.

Um experimento divulgado pela revista científica “Nature” mostra que, apesar do calor estender o período de atividade dos ciclos de vida anuais das espécies, um aumento na concentração de CO2 no ambiente estende mais seu período de crescimento.

Para chegar a essa conclusão, um grupo de especialistas liderados pela cientista americano Heidi Stelzer realizou um estudo durante cinco anos em campos de Wyoming (EUA), onde praticaram experimentos de aquecimento e aumento dos níveis de CO2.

Essas provas revelaram que o aumento da temperatura derivou no aumento do período de crescimento das espécies ao ser detectado uma surgimento precoce de folhas naquelas que se desenvolvem brevemente e atrasou a senescência de outras que florescem mais tardiamente.

Esse último efeito foi reforçado ao concentrar um nível elevado de CO2, o que permitiu às espécies se manter ativas durante mais tempo, especialmente, segundo os cientistas, nos casos nos quais a disponibilidade de água é limitada.

Segundo foi observado nesse estudo, como média, durante os cinco anos do experimento, o período de crescimento das plantas que desenvolvem rapidamente folhas e flores finalizou 7,6 dias mais tarde devido ao aquecimento e ao elevado nível de dióxido de carbono, comparado com outro cenário no qual levaria em conta o aquecimento como único fator.

Referência:
Elevated CO2 further lengthens growing season under warming conditions
Nature (2014) doi:10.1038/nature13207
http://www.nature.com/nature/journal/vaop/ncurrent/full/nature13207.html

Fonte: EcoDebate

0 comentários:

Postar um comentário

Eco & Ação

Postagens populares

Parceiros