Colaboradores

Tecnologia do Blogger.

Siga-nos por Email

Seguidores

Arquivo do blog

Pesquisar neste blog

segunda-feira, 16 de novembro de 2015

“Artivista” Mundano vai à Califórnia e compara a crise hídrica dos EUA com a de SP

“Lá tudo está completamente seco, desértico. Apesar disso, não há falta de água para os cidadãos.” – Mundano


O artivista Mundano, criador de intervenções nos sistemas Cantareira, Guarapiranga e Alto Tietê, cujas imagens rodaram o mundo, replicou sua experiência com a seca paulista na Califórnia. Em setembro deste ano, ele levou uma instalação itinerante – um cacto com torneiras e placas apontando os problemas e a solução – em oito localidades, onde a paisagem foi drasticamente alterada pela falta de água e mais outras simbólicas.

O roteiro incluiu oito lagos e reservatórios que são usados para abastecer as cidades e os agricultores daquele estado norte-americano, que é responsável por 25% dos alimentos consumidos em todo o país, e que hoje estão em níveis críticos. O cacto de Mundano, criado a partir de canos de água reutizados, também foi instalado na Calçada da Fama de Los Angeles, onde interagiu com os artistas que fazem cosplay de celebridades de Hollywood.

O projeto de fazer uma intervenção artística na Califórnia, traçando um paralelo com São Paulo, surgiu quando Mundano, como palestrante do TED Global, foi convidado para um encontro de TED Fellows nos Estados Unidos.”Comecei a pesquisar sobre a situação da Califórnia, que está vivendo a pior seca dos últimos séculos. Tomei conhecimento do uso da tecnologia de fraturamento hidráulico, que faz uso maciço da água. Vi, na internet, o vídeo das Shade Balls, bolas de plástico para fazer sombra sobre um lago para tentar reduzir a evaporação e pensei: ‘não é possível jogar plástico para preservar água'”, explica. “O paralelo com a situação de São Paulo, com a qual me envolvo, foi imediato”, completa.

“Essa viagem mudou minha vida. Fui em busca das semelhanças com São Paulo e acabei encontrando mais diferenças. Embora as localidades estejam sofrendo com a seca, aqui o contexto é outro: temos uma bacia hidrográfica invejável e ainda é possível ver um pouco de verde. Lá tudo está completamente seco, desértico. Apesar disso, não há falta de água para os cidadãos. É inacreditável que com nossos abundantes recursos hídricos isso esteja acontecendo aqui”,  descreve.

Um dos destaques foi Kern County, região produtora de óleo de xisto via fracking, com largo uso de reservas de água e impactos severos, como a contaminação das reservas existentes.  Mundano também fez intervenções em Richmond, em área onde há painéis solares, e na frente da unidade local de uma das maiores multinacionais do petróleo, a Chevron.



Fonte: Ciclo Vivo

0 comentários:

Postar um comentário

Eco & Ação

Postagens populares

Parceiros