Colaboradores

Tecnologia do Blogger.

Siga-nos por Email

Seguidores

Arquivo do blog

Pesquisar neste blog

sexta-feira, 20 de novembro de 2015

Mais celulares e menos banheiros

Enquanto 6 bilhões de pessoas têm celular, apenas 2,5 bilhões têm acesso a banheiros, destaca ONU. Em Dia Mundial dos Banheiros, chefe da ONU pede por “discussão sincera” sobre a importância da higiene e do saneamento básico para todos.


De acordo com dados das Nações Unidas, enquanto 6 bilhões de pessoas têm celular, apenas 2,5 bilhões têm acesso a instalações sanitárias apropriadas. Cerca de 946 milhões de pessoas ainda praticam a defecação ao ar livre. As precárias condições sanitárias provocam uma média de 5 cinco mil óbitos de crianças no mundo a cada dia.

Proporcionar mais instalações sanitárias adequadas foi o centro da declaração do secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon nesta quinta-feira (19), Dia Mundial dos Banheiros. “Saneamento é primordial para a saúde humana e do meio ambiente, bem como as oportunidades individuais, de desenvolvimento e dignidade”, disse.

O secretário-geral citou que a Agenda 2030 reconhece a importância do saneamento no desenvolvimento sustentável, lembrando que esta meta alcançou um dos piores rendimentos dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio. Além de prover melhor acesso às comunidades, Ban destacou que é preciso trabalhar para mudar percepções tradicionais e educar as populações sobre os riscos de não usar instalações apropriadas.

Para Ban, a falta de saneamento básico e higiene está ligada a doenças e má nutrição. Mais de 800.000 crianças – ou uma vítima em cada dois minutos – morrem de diarreia, e quase metade das mortes das crianças abaixo de 5 anos acontecem por consequência da desnutrição.

Fonte: Envolverde

0 comentários:

Postar um comentário

Eco & Ação

Postagens populares

Parceiros