Tecnologia do Blogger.

Siga-nos por Email

Seguidores

Arquivo do blog

Pesquisar neste blog

quarta-feira, 18 de maio de 2016

Fazendas solares ajudam a proteger e recuperar biodiversidade, diz estudo

As usinas solares podem ser de extrema importância para a manutenção de aves raras e ameaçadas.

Os benefícios das usinas solares não são apenas no sentido de reduzir as emissões provenientes do setor energético. Um estudo feito pela Associação Comercial Solar Britânica identificou melhoria na biodiversidade em áreas que abrigam fazendas solares.

A pesquisa analisou 11 parques solares em todo o Reino Unido, comparando-os com fazendas tradicionais localizadas na mesma região. Através desta investigação, os cientistas descobriram um aumento significativo na diversidade de aves, de plantas folhosas, flores silvestres e outras espécies nas áreas que abrigam as placas fotovoltaicas.

Esses benefícios foram identificados tanto em parques planejados e gerenciados com foco na biodiversidade, como nas usinas que abrigam também pastos para a pecuária. O estudo conclui que as usinas solares podem ser de extrema importância para a manutenção de aves raras e ameaçadas.

“O declínio de muitas dessas espécies tem sido atribuído à intensificação das práticas agrícolas. No entanto, nas fazendas solares, com foco na gestão da vida selvagem, os pesticidas são usados em menor quantidade, o gado é menos comum e a floresta ao redor costuma ser restabelecida, beneficiando muitas espécies de aves”, explica o estudo.

Outros fatores contribuem para este benefício, como a mudança da monocultura para o uso de diversas plantas e a adição de áreas e estruturas sombreadas onde as aves podem criar ninhos e descansar.

A descoberta pode incentivar a mescla de áreas preservadas à produção de energia renovável. Também é uma demonstração que os agricultores podem juntar forças a essa causa e sentir o benefício econômico e ambiental da criação de uma fazenda que produz alimentos e energia ao mesmo tempo.

Clique aqui para acessar o estudo completo.
 
Fonte: Ciclo Vivo

Eco & Ação

Ecologia

Loading...

Postagens populares

Parceiros