Colaboradores

Tecnologia do Blogger.

Siga-nos por Email

Seguidores

Arquivo do blog

Pesquisar neste blog

terça-feira, 29 de maio de 2018

Brasil sedia fórum pelos Direitos da Mãe Terra em junho

O Brasil será sede do 2º Fórum Internacional pelos Direitos da Mãe Terra, que será realizado nos dias 03 e 04 de junho de 2018, em São Paulo.
O evento é gratuito e integra o movimento de luta pelo reconhecimento da Natureza como sujeito de direitos e traz para o país um debate mais do que urgente que tem modificado a ação dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário em todo o mundo frente aos temas ambientais.

Organizado pela ONG MAPAS (Métodos de Apoio à Práticas Ambientais e Sociais) com apoio da ONU (Organização das Nações Unidas), o 2º Fórum Internacional pelos Direitos da Mãe Terra entrou no calendário oficial da Semana Estadual do Meio Ambiente de São Paulo em parceria com a Câmara dos Vereadores de São Paulo e Governo do Estado por meio da Secretaria do Meio Ambiente. O primeiro dia do evento será realizado no Parque Villa Lobos, das 9h às 18h e, o segundo, na Câmara Municipal de São Paulo, das 9h às 18h.

A primeira edição do evento foi realizada no México, em 2016, e resultou na aprovação da lei dos Direitos da Natureza na cidade do México. No Brasil, o primeiro e único município que reconhece os direitos da Mãe Terra na legislação é Bonito, no Estado de Pernambuco. Já em São Paulo, a mesma lei tramita na Câmara Municipal. De acordo com a presidente da MAPAS, Vanessa Hasson, o Fórum pode culminar na aprovação também em São Paulo. “O que me faz acreditar nisso é a grande movimentação e adesão da sociedade, autoridades do governo e universidades.”

Estão previstas várias atrações, como atividades artísticas, palestras, mostras de práticas sustentáveis, medicina integrativa, permacultura, propostas educativas, eco vila, ativismo, produtos conscientes e diversas oficinas para uma vida em harmonia com a Natureza. “Nosso propósito é conscientizar as pessoas de que é possível viver bem e respeitar a Mãe Terra” afirma Vanessa.

Além dos debates que fomentarão a construção de políticas públicas ao redor do tema com enfoque na educação, economia solidária e da saúde integral, será realizada uma feira de exposição de produtos, serviços e projetos que coincidem com o tema e, ainda, um festival multiartes, que visa transmitir a mensagem dos participantes por meio da arte e do ativismo.

Fonte: Envolverde

0 comentários:

Postar um comentário

Eco & Ação

Postagens populares

Parceiros