Colaboradores

Tecnologia do Blogger.

Siga-nos por Email

Seguidores

Arquivo do blog

Pesquisar neste blog

segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Preservação dos oceanos é crucial para a segurança alimentar e a economia mundial

Melhorar a gestão dos recursos oceânicos do planeta é crucial para garantir a segurança alimentar global, afirmou o diretor-geral da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO), José Graziano da Silva, durante mesa-redonda com o secretário de Estado dos Estados Unidos, John Kerry, realizada na quinta-feira (25), em Nova York.


O evento, “Nosso Oceano: Próximos Passos sobre Pesca Sustentável e Áreas Marinhas Protegidas”, foi organizado como seguimento da Cúpula do Clima da ONU e para aproveitar a presença de líderes mundiais na Assembleia Geral da ONU.

O setor vem enfrentando grandes dificuldades, causadas por fatores como as práticas de pesca nocivas e o mau gerenciamento da pesca ilegal, não declarada e não regulamentada, segundo a última edição do relatório da FAO “O Estado Mundial da Pesca e da Aquicultura“.

Para reverter esta tendência, a FAO está tomando providências com seus parceiros para promover a pesca sustentável e o combate à ilegalidade na atividade pesqueira. Ao mesmo tempo, lançou uma nova ação de estímulo ao Crescimento Azul que, para Graziano da Silva, tem potencial para liderar as principais discussões referentes aos oceanos e seus recursos.

A subsistência de 10% da população global depende da pesca e, para 4,3 bilhões de pessoas, o peixe constitui 15% do consumo de proteína animal. Portanto, é necessário ampliar as medidas de proteção aos estoques de peixes nos oceanos para garantir a segurança econômica e alimentar de milhares de pessoas.

Fonte: EcoDebate

0 comentários:

Postar um comentário

Eco & Ação

Postagens populares

Parceiros