Tecnologia do Blogger.

Siga-nos por Email

Seguidores

Arquivo do blog

Pesquisar neste blog

quinta-feira, 23 de junho de 2016

Tecido feito de cogumelos pode substituir couro e camurça

Ele é processado de forma muito similar ao couro animal, que é curtido, mas de maneira 100% natural.


A indústria da moda é responsável por grande parte das emissões mundiais de gases de efeito estufa, além de outros impactos ambientais diretos. Mas, existem especialistas no mundo inteiro criando produtos alternativos para reduzirem essa pegada. Um desses exemplos é a empresa italiana Grado Zero Espace, que desenvolveu, entre outros produtos, um tecido altamente resistente feito de cogumelos.
Apelidado de Muskin, o material é semelhante à camurça, mas com a vantagem de ser totalmente natural. Em descritivo no site, a marca explica basicamente como é o processo de fabricação.

O Muskin é extraído da parte superior dos cogumelos. Ele é processado de forma muito similar ao couro animal, que é curtido, mas de maneira 100% natural. De acordo com a companhia, essa ausência de produtos químicos torna o material não-tóxico, ideal para fabricar peças que vão em contato direto com a pele.
Mas, essa não é a única diferença deste material. Os cientistas identificaram que o Muskin não promove a proliferação de bactérias e tem grande capacidade de absorver umidade e depois libera-la. Essas características o tornam ideal para ser usado também em palmilhas, sapatos ou em pulseias de relógio, por exemplo. O tecido também é naturalmente impermeável.

A marca comercializa o produto em tamanho médio de 40×20 centímetros. E, apesar de ser limitado, é fabricado em quantidade suficiente para garante a produção em pequenas séries. Ele pode ser usado em bolsas, chapéus, calçados, jaquetas e acessórios gerais.

Fonte: Ciclo Vivo

Eco & Ação

Ecologia

Loading...

Postagens populares

Parceiros