Tecnologia do Blogger.

Siga-nos por Email

Seguidores

Arquivo do blog

Pesquisar neste blog

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Consumo desenfreado da humanidade retratado em vídeo animado

Os riscos do consumo e da produção desenfreados sob o olhar crítico do artista Steve Cutts gera polêmica. 

O vídeo “Man” com quase três milhões e quinhentas visualizações na internet, a animação faz uma ferrenha crítica ao ser humano e o seu papel de superioridade perante os demais seres vivos do planetaAs análises do autor se voltam especificamente para o desenvolvimento e atuação não sustentáveis das indústrias em todo o mundo. A obra mostra diversos animais que são abatidos de forma brutal em prol de empresas atuantes no ramo da moda, gastronomia e até mesmo decoração, com tapetes de tigres e cabeças de ursos que funcionam como troféus.

O descarte de lixo nos rios, a exploração animal como entretenimento humano e a devastação ambiental desenfreada são outros problemas apresentados em “Man”, que faz um alerta a todos nós sobre os perigos do estilo de vida adotado pelo homem desde a sua existência.



O que pode acontecer com a humanidade?

Durante “Man”, Steve Cutts constrói um retrato da relação da humanidade com o restante do planeta. As diversas atrocidades evidenciadas pela animação acontecem de forma natural, já que são partes do nosso “sistema” de vida.

Dessa forma, os hábitos de matar, explorar e dominar são atribuídos equivocadamente como direitos da raça humana, sem que os reais impactos dessas atitudes sejam considerados. A evolução da sociedade atual foi solidificada em uma constante destruição, motivada pelo sistema capitalista e pela insaciável luta em busca de cada vez mais dinheiro. A devastação terrestre pode ocasionar o fim de diversas espécies e recursos naturais fundamentais para a manutenção do meio ambiente e, consequentemente, da vida no planeta.

Fonte: Mercado Ético

Eco & Ação

Postagens populares

Parceiros