Colaboradores

Tecnologia do Blogger.

Siga-nos por Email

Seguidores

Arquivo do blog

Pesquisar neste blog

quarta-feira, 2 de outubro de 2013

Campanha Humanitária transforma palavras em donativos para países pobres

Desde o dia 19 de agosto, data em que é comemorado o Dia Mundial da Ação Humanitária, está nas redes sociais a campanha promovida pela ONU “O Mundo precisa de mais…”, que possui a intenção de transformar as palavras das pessoas em realidade e estimular a maior participação de pessoas no projeto, principalmente aqueles conhecidos como “ativistas de sofá”. A partir da criação do primeiro mercado de palavras do mundo se torna possível que marcas, organizações e indivíduos patrocinem um vocábulo e juntem os fundos necessários para ajudar operações humanitárias no mundo.

A atitude é bem simples: basta dizer o que o mundo está precisando de mais importante e transformar sua voz em ação. Para isso o site oficial da campanha oferece um grupo de várias palavras, cada uma patrocinada por uma empresa diferente. Cada vez que uma pessoa compartilha uma palavra via Twitter ou Facebook usando a estrutura #theworldneedsmore #[palavra] ela desbloqueia um dólar do patrocínio e também receberá uma mensagem dizendo que a empresa patrocinou a palavra.

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=BM1hakBx5WI

Os fundos arrecadados por meio do projeto irão para pessoas afetadas por desastres naturais em lugares como Iêmem, Haiti e Afeganistão, países com grandes necessidades humanitárias que saíram do radar internacional. Além do compartilhamento de termos amparados por empresas existe a opção de doação de qualquer quantia, que pode ser feita através do site Pay-Pal.

Também participam da campanha artistas como a cantora Beyoncé e um dos nomes mais importantes da cena eletrônica atual, o Dj David Guetta, que lançou recentemente para apoiar a ideia um vídeo (que pode ser visto aqui). Para assisitir ao clipe as pessoas são convidadas a selecionar uma palavra patrocinada. Entre as empresas envolvidas até agora estão Barclays Bank (#Inclusão), Western Union (#Educação), Gucci (#Força), Crescent Enterprises (#Empreendedores), KT ( #Sonhos), Intel (#Empoderamento) e a GlaxoSmithKline (#saúde), assim como a Fundação Sergio Vieira de Mello (#Diálogo). A palavra de David Guetta é #Amor e ainda tem que ser patrocinada.

“Nós sabemos que as necessidades humanitárias estão crescendo e que, se vamos atender a essas necessidades crescentes, devemos fazer as coisas de uma maneira diferente”, disse a chefe da ONU para Assuntos Humanitários, Valerie Amos.

Fonte: Mercado Ético

0 comentários:

Postar um comentário

Eco & Ação

Postagens populares

Parceiros