Tecnologia do Blogger.

Siga-nos por Email

Seguidores

Arquivo do blog

Pesquisar neste blog

quinta-feira, 25 de maio de 2017

Pai em luto cria memorial tocante para seu filho em cemitério

Quando Matthew Stanford Robison nasceu, em 1988, seus pais Ernest e Anneke ouviram que ele teria apenas algumas horas de vida. Hoje, uma homenagem a ele em um cemitério dos Estados Unidos inspira outras pessoas que passam por desafios.


Devido à falta de oxigênio e complicações no parto, Matthew nasceu com deficiências graves. Ele era quase cego, não andava e pronunciava poucas palavras. Ainda assim, ele desafiou as probabilidades e viveu por quase 11 anos. Morreu em 1999.

Em 2000, para transformar a sepultura de Matthew em um lugar de felicidade, Ernest e sua prima Susan Cornish fabricaram uma estátua tocante em memória à coragem do garoto.

A escultura retrata Matthew saindo de sua cadeira de rodas, curado de seus fardos terrestres, enquanto se move em direção ao céu. Nos anos que se seguiram à sua conclusão, a sepultura tornou-se uma fonte de inspiração para pessoas lutando contra deficiências.

“Matthew foi uma alegria e uma inspiração para todos os que tiveram o privilégio de conhecê-lo. Ele era um testemunho da suprema divindade da alma e uma encarnação da perfeição que nossos espíritos anseiam. A piedade de sua alma inspirou, influenciou e abençoou todos os que o conheciam. Ele veio a este mundo como um milagre e deixou este mundo como um milagre”. Esta declaração no obituário do menino capta o sentimento que também inspirou a família a iniciar a Ability Foundation.

Por meio de suas próprias experiências, os parentes estavam conscientes de que muitas pessoas com deficiência não podem pagar pelos equipamentos. Desde 1993, a fundação tem ajudado os necessitados na obtenção de itens para o controle de suas vidas.

As réplicas do memorial de Matthew, assim como outras recordações, estão disponíveis por meio do site da fundação.

Fonte: Sincep

Eco & Ação

Ecologia

Loading...

Postagens populares

Parceiros