Colaboradores

Tecnologia do Blogger.

Siga-nos por Email

Seguidores

Arquivo do blog

Pesquisar neste blog

segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Pecuarista do ES faz vacas ouvirem música para melhor produção de leite

Para impulsionar a produção de leite do seu gado, um pecuarista resolveu inovar. Marinho Scheidegger utiliza a música na hora da ordenha para tranquilizar as vacas de sua propriedade rural, em Rio Novo do Sul, no Sul do Espírito Santo. 

Segundo ele, as vacas ficam atentas às músicas e passaram a produzir mais leite com a utilização do método. A produção diária saltou de 50 para 80 litros, desde que as músicas passaram a fazer parte do ambiente do curral, há dez anos.

Marinho conta que colocou um rádio no curral para ouvir notícias, mas logo percebeu que as vacas ficavam mais tranquilas e produtivas quando músicas eram tocadas. “Logo eu vi uma mudança nos animais. No passado, quando não tinha rádio aqui, ninguém podia vir no curral. Chegava pessoas estranhas, as vacas espantavam todo mundo. 

Elas eram até capazes de quebrar o curral. Quando eu comecei a ouvir o rádio, tudo melhorou”, conta o produtor rural.

O aumento da produção leiteira e a melhoria no comportamento das vacas realmente tem ligação com as músicas, segundo a veterinária Ana Paula Moreira. “Na hora da ordenha, o animal precisa estar num lugar tranquilo e seguro. A música traz essa tranquilidade para as vacas”, explica a veterinária.

O rádio de modelo antigo é colocado por Marinho bem no meio do curral para que as vacas que também estão no pasto possam ouvir as músicas. O produtor conta que as músicas que mais trazem resultado são as de ritmo mais calmo. “O que faz a vaca dar leite é genética e um bom capim, mas a música é a complementação disso. Ela fica tranquila, fica quieta e libera o leite. Elas preferem os ritmos mais tranquilos, românticos, sertanejos”, afirmou.

Com o sucesso musical na produção de Marinho, vizinhos também passaram a utilizar o método em seus currais pela região Sul do estado. 

Fonte: G1

0 comentários:

Postar um comentário

Eco & Ação

Postagens populares

Parceiros