Tecnologia do Blogger.

Siga-nos por Email

Seguidores

Arquivo do blog

Pesquisar neste blog

sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Que tal uma visita guiada e teatralizada ao Cemitério da Penitência no Caju?

Que tal visitar o Cemitério e ainda aprender história com esquetes teatrais? Não, não é nenhum convite gótico, é que o Corsário Carioca,  grupo que conta a história da cidade do Rio de Janeiro por meio de esquetes teatrais para cariocas e turistas que participarem do passeio cultural no Cemitério da Penitência, no Caju, Zona Portuária do Rio.


A visita, comandada pelo historiador Milton Teixeira, levará os visitantes a uma viagem pelo Rio de Janeiro do século XIX. Durante duas horas de tour, o Corsário dará vida a personalidades como o cacique Arariboia, o fundador da França Antártica no Brasil, Nicolau Villegagnon, o corsário francês Duguay Trouin – que praticou o primeiro sequestro no Rio -, e o fundador da cidade, Estácio de Sá, entre outros. As personagens serão representadas, na medida em que for descortinada a história da cidade.

“Além de apresentar a história de figuras emblemáticas e contar sua importância para o Rio, o passeio cultural tem o objetivo de desconstruir a imagem do cemitério como um lugar de tristeza. Queremos mostrar que também pode ser um local de aprendizado”, explica Milton Teixeira, especialista em História e História da Arte e que há 30 anos pesquisa a história do Rio de Janeiro.

Os visitantes também irão conhecer as variadas obras sacras que decoram os jazigos perpétuos das famílias, como as esculturas em mármore de José Vicente de Souza, e os vitrais de Gastão Formenti, renomados artistas do século passado. A única construção em Art Noveau da antiga capital do Império, a capela datada de 1907, que abriga o ossuário, também é um dos espaços conhecidos no passeio cultural.

Fonte: Diario do Rio

Eco & Ação

Ecologia

Loading...

Postagens populares

Parceiros