Tecnologia do Blogger.

Siga-nos por Email

Seguidores

Arquivo do blog

Pesquisar neste blog

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Proliferação de cemitérios clandestinos

A proliferação de cemitérios clandestinos na periferia da cidade de Mbanza Congo, capital da província do Zaire, está a preocupar as autoridades administrativas, que anunciaram o reforço de campanhas de sensibilização para eliminar o problema.


O administrador do cemitério municipal, Mantanto Sebastião, disse que as autoridades colocaram à disposição da população um novo espaço de 700 hectares na localidade de Siesie, situada a 12 quilómetros da cidade.

Após o encerramento do antigo cemitério de Kianganga em 2014, por exiguidade de espaço, os enterros passaram a ser efectuados na aldeia do Siesie, mas alguns habitantes oferecem relutância.

Eles consideram que as razões da proliferação dos cemitérios ilegais radicam nas dificuldades de transporte e excessiva burocracia na obtenção de boletins e certificados de óbito.

Embora não esteja estabelecido qualquer pagamento, no cemitério municipal os coveiros cobram 5.500 kwanzas pelo enterro de um adulto e 2.500 kwanzas quando se trata de um menor.

Esta situação também incita as pessoas a recorrerem aos cemitérios clandestinos.Ntula Sebastião, 30 anos, afirmou que a administração municipal devia melhorar as condições no novo cemitério, como a vedação exterior, a construção de uma capela e um velório e o asfaltamento da via de acesso.

“Não há diferença entre o actual cemitério municipal e os clandestinos, visto que todos estão desprotegidos e sem condições condignas”, lamentou.Para Maria Nsumba, 57 anos, além de melhorar as condições do cemitério, a administração de Mbanza Congo devia adquirir uma viatura funerária, sublinhando que os mortos merecem ser sepultados num local seguro e com dignidade.

Fonte: Jornal de Angola

Eco & Ação

Ecologia

Loading...

Postagens populares

Parceiros