Colaboradores

Tecnologia do Blogger.

Siga-nos por Email

Seguidores

Arquivo do blog

Pesquisar neste blog

quinta-feira, 20 de junho de 2013

Cidades conquistam tarifas mais baixas depois de manifestações no país

Itajaí, em Santa Catarina, foi uma das cidades que conseguiu o benefício
São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Cuiabá, Recife e João Pessoa são as capitais que conseguiram redução de tarifa no transporte coletivo nesta semana, após manifestações em todo o país. "Vamos revogar o reajuste voltando à tarifa original de metrô, ônibus e trem”, anunciou nesta quarta-feira, 19, em uma entrevista coletiva à imprensa o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, pouco antes do anúncio do prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, de que a prefeitura voltou atrás no aumento do preço da passagem de ônibus. Paes também baixou a tarifa de R$ 2,95 para R$ 2,75.

Durante o anúncio da revogação do aumento das tarifas em São Paulo, o governador do Estado, Geraldo Alckmin (PSDB), e o prefeito da Capital, Fernando Haddad (PT), disseram que a medida levará o governo a cortar gastos. A tarifa passa de R$ 3,20 para R$ 3,00. Alckmin disse que será necessário "apertar o cinto". "Nós teremos que cortar investimentos porque as empresas que suportam [essa diferença de valor] não têm como arcar. O tesouro paulista - orçamento do Estado - vai arcar com esses custos, fazendo um ajuste na área dos investimentos", disse o governador.

Em Porto Alegre, o valor do transporte público foi reduzido na terça-feira, assim como em Cuiabá, Recife e João Pessoa. A nova tarifa de Porto Alegre, R$ 2,80, ainda depende de aprovação da Câmara de Vereadores.

Em Cuiabá, a tarifa que antes era de R$ 2,95 passou para R$ 2,85 à meia-noite de terça. No Recife, a redução de R$ 0,10, para o valor de R$ 2,15, começa na próxima quinta. Em João Pessoa, o preço da passagem de R$ 2,20, que também teve redução de R$ 0,10, começa a valer em julho.

Itajaí com tarifa mais baixa

O preço das passagens de ônibus também será reduzido a partir de sábado em Itajaí. A decisão foi tomada por uma comissão convocada pelo prefeito da cidade, Jandir Bellini, que se reuniu no início da tarde de quarta-feira para discutir a proposta. Os valores reduzidos são de R$ 3,20 para R$ 3 nas catracas e de R$ 2,80 para R$ 2,65 para os usuários de utilizam o cartão SIM. A prefeitura concederá isenção do ISS (Imposto Sobre Serviços) para a empresa de transporte coletivo, que detém a concessão do serviço na cidade. O secretário de comunicação de Itajaí, Murilo José, afirmou que o projeto deve ser apreciado e aprovado pela câmara de vereadores amanhã, sancionado na sexta-feira pelo prefeito e as novas tarifas devem entrar em vigor no sábado.

Fonte: Notícias do Dia

0 comentários:

Postar um comentário

Eco & Ação

Postagens populares

Parceiros